Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 27/05/2014 - 11h34
Postado em Pecuária de Corte

27/05/2014 11h34 - Postado em Pecuária de Corte

Vacinação contra aftosa termina nesta semana

A não vacinação ou não comprovação da prevenção implica em multa de R$ 112,92 por cabeça no Estado. Além disso, o produtor fica proibido de transportar os animais para qualquer localidade

Encerra nesta semana a primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa em todo o país. No Paraná, devem ser imunizados bovinos com idade abaixo de 24 meses. A não vacinação ou não comprovação da prevenção implica em multa de R$ 112,92 por cabeça no Estado. Além disso, o produtor fica proibido de transportar os animais para qualquer localidade.

Segundo a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar), são 4,4 milhões de cabeças de gado que se enquadram à esta primeira fase. Fornecedores de vacinas ou os próprios pecuaristas podem comprovar a imunização no site da agência, no endereço www.adapar.pr.gov.br. A certificação pode ser obtida também nos postos vinculados ao Sistema de Vigilância Agropecuária.

A manutenção da vacinação é um passo importante para que o Paraná avance no reconhecimento sanitário internacional. O estado busca o status de livre da doença sem vacinação na Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) em dois anos. Nesta semana, sete estados do Nordeste mais a região norte do Pará serão certificados pela entidade de zonas livres da doença com a aplicação de vacinas.

Segunda etapa
A próxima etapa da imunização ocorre a partir novembro, para todas as 9,5 milhões de cabeças de gado paranaenses, incluindo bovinos e bubalinos. Em 2013, 96,8% do rebanho estadual foi vacinado, índice considerado dentro da meta da Adapar.

Fonte: Gazeta do Povo – 27/05/2014

Título da Postagem: Vacinação contra aftosa termina nesta semana

imprensa@faep.com.br