Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 12/04/2012 - 12h00
Postado em Notícias

12/04/2012 12h00 - Postado em Notícias

Safra Grãos 2011/2012: 159,20 milhões de toneladas

A Conab divulgou o sétimo levantamento com a estimativa da safra de grãos 2011/2012, a produção prevista é de 159,20 milhões de toneladas, cerca de 2,2% inferior à safra 2010/2011 (162,84 milhões de toneladas).  O resultado aponta uma redução de 3,64 milhões de toneladas, com a maior redução na cultura da soja, no entorno de […]

A Conab divulgou o sétimo levantamento com a estimativa da safra de grãos 2011/2012, a produção prevista é de 159,20 milhões de toneladas, cerca de 2,2% inferior à safra 2010/2011 (162,84 milhões de toneladas).  O resultado aponta uma redução de 3,64 milhões de toneladas, com a maior redução na cultura da soja, no entorno de 9,72 milhões de toneladas, em face das condições climáticas desfavoráveis (estiagem prolongada entre dezembro e janeiro). O Paraná tem previsão de produzir 27,92 milhões de toneladas. A área cultivada soma 52,29 milhões de hectares, apontando um crescimento de 4,8% maior que a cultivada em 2010/2011, com um aumento de 2,40 milhões de hectares.  É o que apontam os dados da Conab.
A produção brasileira de soja por conta da estiagem prolongada foi reavaliada para 65,6 milhões de toneladas, uma queda de 7,9% em relação ao levantamento de março, com as maiores quedas nos Estados do Rio Grande do Sul e Paraná. Este resultado é 13% menor que o obtido na safra 2010/11, quando foram produzidas 75,32 milhões de toneladas.

O Paraná, segundo produtor nacional, teve a sua produção reajustada em função da estiagem para 9,93 milhões de toneladas e uma produtividade média de 2.234 quilos por hectare.

Para o milho (1ª e 2ª safras), a estimativa é de 65,14 milhões de toneladas e produtividade de 4.162 kg/há, configurando um aumento de 13,5 em relação à safra 2010/11 quando foram produzidas 57,40 milhões de toneladas.  O milho 1ª safra tem previsão de 36,12 milhões de toneladas e uma produtividade de 4.210 kg/ha. Já o milho 2ª safra tem estimativa de 29,01 milhões de toneladas e produtividade de 4.104 kg/ha.   O Paraná deverá produzir no total 14,23 milhões de toneladas e produtividade de 4.968 kg/hectare, com um aumento na produção de 16% sobre a produção anterior (12,24 milhões).  Na safra de verão a previsão é de 6,22 milhões de toneladas e produtividade de 6.500 kg por hectare. Para a safrinha de inverno a estimativa é de 8,01 milhões de toneladas e produtividade média de 4.200 kg/hectare.

Para o feijão a produção tem previsão de 3,66 milhões de toneladas.  O Paraná, maior produtor, tem estimativa de 683 mil toneladas e uma produtividade média de 1.485 kg por hectare.

Por Gilda M. Bozza – Economista – DTE/FAEP

imprensa@faep.com.br