Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 30/01/2014 - 11h28
Postado em Grãos, Logística

30/01/2014 11h28 - Postado em Grãos, Logística

PR: Começa o escoamento da safra

Os primeiros navios de soja da safra 2013/14 começaram a ser carregados no Porto de Paranaguá (PR) nesta semana. Ao todo, são três embarcações que somam um total de 187,4 mil toneladas do grão. Um dos navios atracou no domingo, carregou e já partiu, segundo a administração geral do porto. Os outros dois atracaram na […]

_MG_4903Os primeiros navios de soja da safra 2013/14 começaram a ser carregados no Porto de Paranaguá (PR) nesta semana. Ao todo, são três embarcações que somam um total de 187,4 mil toneladas do grão. Um dos navios atracou no domingo, carregou e já partiu, segundo a administração geral do porto.

Os outros dois atracaram na segunda-feira, no fim do dia, e estavam programados para deixar o porto rumo à China entre ontem e hoje. Este ano, até terça-feira, o pátio de triagem do Porto de Paranaguá recebeu 16.814 caminhões de graneis sólidos de exportação.

Desses, 8.427 de soja. Segundo a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), em 2014, Paranaguá deve receber 286 navios que vão embarcar ao todo 8,2 milhões de toneladas de soja, 3,2 milhões de toneladas de milho e 5,1 milhões de toneladas de farelo de soja (Valor, 30/1/14)

Receita do setor de implementos cresce 16%
As empresas de máquinas e implementos agrícolas ligadas à Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) tiveram faturamento nominal de R$ 13,105 bilhões no ano passado, aumento de 16,2% sobre 2012, informou ontem a entidade. O desempenho é considerado recorde e ficou ligeiramente acima da estimativa de crescimento em torno de 15%, divulgada este mês pela Câmara Setorial de Máquinas e Implementos Agrícolas (CSMIA), da Abimaq.

O resultado foi impulsionado pela conjuntura de preços altos dos produtos agrícolas, safra volumosa e juros extremamente atrativos do Programa de Sustentação do Investimento (PSI, do BNDES).

Entretanto, o presidente da CSMIA, Gilberto Zancopé, estima para este ano um recuo em torno de 5% no faturamento do setor de implementos frente a 2013. O desempenho inferior deverá ser provocado por alguns fatores, entre eles, expectativa de queda na rentabilidade dos produtores rurais, aumento de custos para combater pragas, como a lagarta helicoverpa, e preços mais baixos da soja.

A perspectiva é que as importações de máquinas e implementos continuem em ritmo de queda este ano em função principalmente do câmbio, que encarece os produtos. Em 2013, as importações somaram US$ 644,536 milhões, recuo de 10,8% sobre 2012. Na mesma comparação, as exportações do setor totalizaram US$ 989,347 milhões, aumento de 8,6%, conforme a CSMIA.

Fonte: Valor Econômico

Título da Postagem: PR: Começa o escoamento da safra

imprensa@faep.com.br