Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 20/03/2013 - 12h00
Postado em Notícias

20/03/2013 12h00 - Postado em Notícias

Peixe cultivado

O Paraná tenta ampliar a produção de pescados a partir da Costa Oeste. O governo do estado discute o assunto com representantes do governo federal e de cooperativas, para estimular projetos que envolvam a agricultura familiar. Prefeituras e empresas interessadas na produção buscam incentivos estaduais. “O pescado é uma importante fonte de renda para os […]

O Paraná tenta ampliar a produção de pescados a partir da Costa Oeste. O governo do estado discute o assunto com representantes do governo federal e de cooperativas, para estimular projetos que envolvam a agricultura familiar. Prefeituras e empresas interessadas na produção buscam incentivos estaduais.

“O pescado é uma importante fonte de renda para os agricultores familiares. Queremos desenvolver novas ações para incrementar a produção”, disse o secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara.

Conforme a secretaria, a Seab, o Paraná é o quinto estado produtor de pescados do Brasil, atrás do Rio Grande do Sul, São Paulo, Santa Catarina e Ceará. Estima-se que 22 mil propriedades rurais possuem algum sistema de produção de peixe no estado. Em 2011, a produção estadual teria chegado a 35,8 mil toneladas de pescados.

Os produtores paranaenses criam, principalmente, a tilápia, que responde por 75% do volume total de pescados no Paraná. O presidente da Cooperçu, Paulo Langner, afirma que empresa espera atingir em breve a produção de 3.500 toneladas/ano. Hoje são 350 tanques de redes em funcionamento. Ainda neste ano deve entrar em funcionamento uma fábrica de ração.

75% dos peixes produzidos no Paraná são tilápias, conforme informação do governo do estado.

Gazeta do Povo Online

imprensa@faep.com.br