Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 02/05/2012 - 12h00
Postado em Notícias

02/05/2012 12h00 - Postado em Notícias

O trigo encolhe e o milho expande

Estudo produzido pela economista Tânia Moreira e pelo engenheiro-agrônomo Leandro Alegransi, do Departamento Técnico Econômico (DTE) da FAEP faz uma radiografia da perda de espaço do trigo nas lavouras paranaenses. Enquanto a área de trigo paranaense se reduz pela terceira safra seguida, o milho de 2ª safra ("safrinha") tem um aumento de 13% de áreas […]

Estudo produzido pela economista Tânia Moreira e pelo engenheiro-agrônomo Leandro Alegransi, do Departamento Técnico Econômico (DTE) da FAEP faz uma radiografia da perda de espaço do trigo nas lavouras paranaenses. Enquanto a área de trigo paranaense se reduz pela terceira safra seguida, o milho de 2ª safra ("safrinha") tem um aumento de 13% de áreas plantadas no Paraná neste ano em relação à "safrinha" anterior – de 1,69 para 1,90 milhões de hectares.

Por: Tânia Moreira e Leandro Alegransi (DTE/FAEP)

    Considerando uma série histórica de área de 26 safras desde a safra de 1986/87 podemos afirmar que os produtores paranaenses estão deixando de plantar trigo. Ao longo dos anos, o Paraná sempre esteve na liderança da produção nacional de trigo, com exceção da safra 2000/01. Porém na safra 2012/13 a estimativa de produção segundo a Companhia Nacional de Abastecimento – CONAB é de redução de 16,04% na área, resultado em uma produção 14,6% menor. Com isto o Rio Grande do Sul assume a liderança com uma produção de 2,74 milhões de toneladas enquanto a produção do Paraná deve totalizar 2,5 milhões de toneladas.

Levando em conta a liderança que o Paraná possuiu ao longo dos anos, percebe-se a sua importância na triticultura nacional, pois é detentor de uma grande capacidade de produção e muito sensível a indicativos positivos nas políticas públicas, como Política de Garantia de Preços Mínimos – PGPM e a Subvenção ao Prêmio do Seguro Agrícola.

Segundo estimativas da CONAB, a área de trigo a ser plantada no Brasil é de 2,07 milhões de hectares, sendo 871,5 mil no Paraná (41% da área total).
Enquanto a área de trigo paranaense reduz pela terceira safra seguida, o milho de 2ª safra ("safrinha") tem um aumento de 13% de áreas plantadas no Paraná neste ano em relação à "safrinha" anterior – de 1,69 para 1,90 milhões de hectares, conforme dados da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento do Paraná (SEAB/PR).

GRÁFICO 1 – Área de trigo e de milho 2ª safra no Paraná

Fonte: Deral- Seab

O gráfico 1 demonstra a relação entre a queda da área plantada de trigo e o aumento da área plantada de milho safrinha no estado. No gráfico pode se observar o abandono da cultura de trigo e aumento da área da cultura de milho safrinha a partir da safra 2009/2010. As regiões Norte e Oeste do estado apresentam de forma mais clara essa escolha do produtor em substituir trigo por milho safrinha, como apresentam os gráficos 2 e 3.

GRÁFICO 2 – Área de trigo por regiões – PR
GRÁFICO 3 – Área de milho 2ª safra por regiões – PR

imprensa@faep.com.br