Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 14/02/2020 - 09h33
Postado em Destaques, Notícias, Senar - PR

14/02/2020 09h33 - Postado em Destaques, Notícias, Senar - PR

Mulher Atual passa por renovação para 2020

Conteúdos mais objetivos, alinhamento das instrutoras e redução da carga-horária fazem parte das novidades do programa

Há 12 anos, o SENAR-PR investia na criação de um programa destinado à mobilização das mulheres do campo, promoção da autonomia e força feminina. O Programa Mulher Atual despertou nas mulheres rurais o espírito da liderança e do empreendedorismo, incentivando o desenvolvimento de habilidades pessoais e profissionais e respeitando o potencial de cada uma. Desde 2009, quando foi a campo pela primeira vez, 1.256 turmas participaram do Mulher Atual.

Para acompanhar a trajetória destas importantes personagens, o SENAR-PR investiu na reformulação e atualização do programa. A partir do dia 19 de fevereiro, o Mulher Atual passará a trazer conteúdos mais embasados e articula dos com uma rede de instrutoras 100% alinhadas aos objetivos do programa. Com a reformulação, a previsão é que sejam criadas 140 turmas em 2020.

“O Programa Mulher Atual já se concretizou como uma ferramenta de fortalecimento da representatividade rural, tendo formado mulheres que hoje são referências ao agronegócio estadual e nacional. A presença feminina no campo tem se mostrado cada vez maior e precisamos não apenas acompanhar esse processo, mas incentivar a participação ativa destas mulheres, algo indispensável para o desenvolvimento contínuo do setor”, salienta o presidente do Sistema FAEP/SENAR-PR, Ágide Meneguette.

Por falar em objetivos, estes também foram aperfeiçoados. As novas participantes do Mulher Atual sairão preparadas para atuar com uma postura ativa, frente aos desafios pessoais, sociais e profissionais. Neste sentido, os conteúdos e atividades trabalhadas foram moldadas em quatro pilares: autoconhecimento, dimensões da vida, sustentabilidade e empreendedorismo.

Segundo a técnica do Sistema FAEP/SENAR-PR e responsável pelo Programa Mulher Atual, Regiane Hornung, os temas destes pilares já eram tratados durante os encontros, porém, não de forma tão objetiva e definida como a partir de agora. “Nós atualizamos as estratégias de aplicação de conteúdo e atividades desenvolvidas durante as aulas. As instrutoras precisam dominar todos os temas para atingir os objetivos do programa e das participantes de forma satisfatória, por isso, houve esse alinhamento para que o trabalho em equipe seja realmente efetivo”, afirma Regiane.

Programação reformulada

Os conteúdos aplicados ao Mulher Atual passaram por reformulações de acordo com as necessidades identificadas em turmas anteriores, o que inclui a evolução do público feminino e sua relação com os temas. A carga-horária do programa também passou por alterações, agora com 64 horas divididas em oito encontros.

As duas primeiras aulas serão baseadas no pilar do autoconhecimento, abordando conteúdos sob viés psicológico, como tipos de temperamento, atividades cerebrais e neuroplasticidade (capacidade do sistema nervoso em mudar e se adaptar diante de novas experiências). Também serão tratados assuntos relacionados à qualidade de vida, como saúde física e emocional, sexualidade feminina, espiritualidade e planejamento financeiro.

Na terceira e quarta aulas, sob o pilar nomeado dimensões da vida, serão debatidas formas de relacionamentos interpessoais, comunicação assertiva, autoestima, imagem e asseio pessoal.

Os pilares sustentabilidade e empreendedorismo, que norteiam a quinta e sexta aulas, ganharam novas abordagens. A objetividade é uma das principais características deste novo Mulher Atual, de modo que os conteúdos serão transmitidos de forma mais prática para facilitar a absorção pelas participantes.

Neste instante, serão trabalhados conceitos como tripé da sustentabilidade, Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), 6Rs ecológicos (Repensar, Reduzir, Reutilizar, Replantar, Recusar e Reciclar), capital social, definições e tipos de empreendedorismo e características empreendedoras. Ao final, as participantes serão desafiadas a desenvolverem uma ação fundamentada pelo que aprenderam nas aulas.

No sétimo encontro, os quatro pilares serão trabalhados de forma unificada sob o conceito C.H.A.V.E., sigla que se refere às iniciais de características importantes de desenvolvimento pessoal e profissional. São cinco: conhecimento, habilidades, atitudes, valores e entorno. A última aula será o momento de conclusão do programa, com apresentação das ações desenvolvidas.

Segundo Cássia Helena Borghi de Barros, instrutora do Mulher Atual há oito anos, com essa atualização, os temas estão mais alinhados com o trabalho desenvolvido em sala de aula. “Houve uma padronização que vai ajudar muito na atuação a campo, com conteúdos mais elaborados, objetivos e consistentes. Agora, os quatro pilares estão mais visíveis e as aulas muito mais alicerçadas neles, incluindo também conteúdos complementares do dia a dia feminino”, destaca.

Na opinião da instrutora, as mudanças também serão importantes para mobilizar mais mulheres. “De forma geral, nos dá um gás porque vemos o interesse da instituição pela visibilidade do programa e em trazer resultados cada vez mais palpáveis”, conclui Cássia.

Processo seletivo

O SENAR-PR abriu edital para credenciamento de novas instrutoras do Programa Mulher Atual em novembro de 2019. O processo de seleção foi composto por seis etapas: inscrições e envio de documentação solicitada, análise de currículos, prova técnica classificatória (via EaD), prova pedagógica classificatória (via EaD), capacitação técnica presencial e avaliação presencial técnico-pedagógica (via aula demonstrativa). Das 43 inscrições, 20 candidatas foram aprovadas nas etapas de avaliação técnica e pedagógica, sendo duas vagas por Regional do SENAR-PR. Destas, 16 comparecerem ao treinamento e avaliação realizados no CTA de Ibiporã.

SENAR-PR credencia novas instrutoras

O repasse da atualização do Programa Mulher Atual aconteceu durante a primeira semana de fevereiro no Centro de Treinamento Agropecuário (CTA) de Ibiporã. Durante o treinamento, ocorreu também a última etapa de avaliação para credenciamento de novas instrutoras, que participaram de processo seletivo via edital.

“O credenciamento de novas instrutoras é uma ação fundamental para dar continuidade a esse programa, que fomenta a inclusão de mulheres no setor rural, ação que o SENAR-PR foi pioneiro. Nesse tempo, colhemos ótimos resultados e, hoje, a participação das mulheres nos cursos do SENAR-PR e no sistema sindical é uma realidade”, aponta o gerente do Departamento Técnico (Detec) do SENAR-PR, Arthur Piazza Bergamini.

No treinamento, cada uma das candidatas ficou responsável por ministrar uma aula para avaliação, com tema escolhido por meio de sorteio prévio. Entre os critérios utilizados estão apresentação pessoal; cumprimento dos prazos estabelecidos; materiais, equipamentos e instrumentos utilizados, apresentação do conteúdo; desenvolvimento das técnicas instrucionais; postura na apresentação e interação com o público.

Segundo a técnica do Detec Tatiana Montefusco, responsável pela avaliação, essa última etapa é fundamental para verificar se as participantes estão devidamente alinhadas com os objetivos e público-alvo do programa. “Como se trata de educação de adultos, a instrutora deve considerar que as participantes possuem conhecimento e têm muito a colaborar com o processo educativo. Não é apenas passar o conteúdo, mas criar um vínculo afetivo como forma de valorização do conhecimento e das próprias mulheres”, destaca.

Para Sofia Cristina Alexius, uma das novas instrutoras aprovadas, o treinamento possibilitou um momento de maior conexão com a estrutura do programa, além da integração entre a equipe de instrutoras. “Eu pude perceber como o programa também é uma transformação pessoal para nós, pois trabalhamos temas que, muitas vezes, são negligenciados na vida de toda mulher. No Mulher Atual, vemos a importância de reconhecer falhas, mas principalmente, reconhecer e valorizar também os pontos positivos nas nossas vidas para conseguir promover esse olhar conectado com as mulheres que vamos trabalhar”, aponta.

Leia mais notícias no Boletim Informativo.

Título da Postagem: Mulher Atual passa por renovação para 2020

imprensa@faep.com.br