Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 18/09/2014 - 10h53
Postado em Infraestrutura

18/09/2014 10h53 - Postado em Infraestrutura

Faep receia incorporação da ALL

A falta de investimentos é uma das queixas dos usuários em relação à concessionária

O assessor técnico e econômico da Federação da Agricultura do Paraná (Faep), Nilson Hanke Camargo, conta que a entidade está preocupada com a incorporação da ALL pela Cosan, embarcadora de açúcar e álcool. Por isso, a entidade impugnou a negociação no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). A ideia, segundo ele, não é inviabilizar a transação, mas tentar garantir a prestação de serviço de transporte de carga aos produtores rurais. “O medo é que, na nova configuração, a ALL privilegie apenas o transporte das cargas da Cosan”, afirma.

Ele acredita que, tendo a garantia de transporte para o agronegócio, a incorporação da ALL, que tem concessões na região Sul até 2027, será benéfica, porque a empresa terá mais poder de investimentos.

A falta de investimentos é uma das queixas dos usuários em relação à concessionária. Eles acreditam que, pelo fato de contar com exclusividade, a empresa não se empenha o suficiente para ampliar sua oferta de transporte. E também por isso ofereça uma tarifa de frete acima do desejado.

A reportagem não conseguiu entrevista na ALL. Por meio da assessoria de imprensa, a concessionária disse que investiu mais de R$ 12 bilhões nas malhas sob sua responsabilidade desde que assumiu os contratos. “Os constantes investimentos em tecnologia e melhoria da linha férrea permitiram que a companhia reduzisse em até 80% o índice de acidentes desde 2006”, diz nota enviada à redação.

A ALL informou a quantidade de carga movimentada em suas cinco estações da região Norte do Paraná. No ano passado, foram 11,49 milhões de toneladas (ver quadro). (N.B.)

 

img_1857
Fonte: Folha de Londrina – 18/09/2014

 

 

Título da Postagem: Faep receia incorporação da ALL

imprensa@faep.com.br