Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 23/09/2016 - 11h34
Postado em Ágide Meneguette, Destaques, Trigo

23/09/2016 11h34 - Postado em Ágide Meneguette, Destaques, Trigo

FAEP pede apoio à comercialização do trigo

Ofício encaminhado ao Ministério da Agricultura destaca que preço pago aos produtores está abaixo do custo de produção

Atento às pressão que o preço do trigo está sofrendo no mercado interno e externo no momento em que os produtores paranaense estão colhendo a safra do cereal, o presidente da FAEP, Ágide Meneguette, encaminhou nesta sexta-feira (23) um ofício ao Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) solicitando apoio à comercialização  do produto, para que a queda nos preços não prejudique a renda dos produtores.

No cenário internacional, o preço do trigo vem caindo diante do aumento na produção no Mercosul, que não foi acompanhado pelo aumento no consumo na América do Sul. Segundo o documento, o recuo na paridade de importação em relação à Argentina, por conta do câmbio, e o aumento da produção no país vizinho favorecem as importações do Brasil, contribuindo para o cenário de pressão nos preços recebidos pelos produtores.

Os efeitos já são sentidos no Paraná, principal produtor brasileiro do cereal. De acordo com a Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento (Seab), o preço médio recebido pelo produtor paranaense em setembro atingiu R$ 38,49 por saca. Esse valor é inferior ao custo operacional no Estado, que é, em média, de R$ 45,08 por saca, praticamente igual ao custo variável, de R$ 38,24 por saca, e também abaixo do preço mínimo de R$ 38,65 por saca, estabelecido na Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM) para a safra 2016/17.

Apesar de ser um alimento de importância estratégica na alimentação brasileira, o trigo não goza de políticas de apoio que tornem a cultura atraente. No Paraná, a área destinada ao cereal encolheu 20% em relação à última safra.

Título da Postagem: FAEP pede apoio à comercialização do trigo

imprensa@faep.com.br