Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 08/11/2016 - 13h12
Postado em Avicultura, Destaques, Senar - PR

08/11/2016 13h12 - Postado em Avicultura, Destaques, Senar - PR

As donas da avicultura

Projeto piloto cria turma formada só por avicultoras durante o Outubro Rosa

A presença feminina nas granjas avícolas é um fato. Na prática, elas dividem as responsabilidades com os companheiros de igual para igual, operando controladores de ambiência, recebendo ração, preparando o ambiente para recebimento dos pintainhos de um dia, monitorando o lote e realizando todas as tarefas que a avicultura de corte envolve. O que não estava de acordo com esta realidade era a participação delas nas capacitações voltadas para a atividade, que – via de regra – contavam com a presença maciça de homens. “Numa turma de 12 alunos, é muito raro vir mais do que quatro mulheres”, observa Lucinéia Mestriner, administradora do Centro de Treinamento Agropecuário (CTA), de Assis Chateaubriand de Avicultura do SENAR-PR, estrutura voltada para treinamentos para a operação de equipamentos de aviários.

Para corrigir essa disparidade, valorizar e estimular a participação de avicultoras nos cursos principalmente de formação profissional rural, aproveitando o mês de outubro, em que tradicionalmente, são promovidas ações voltadas ao público feminino, principalmente na área da saúde – o famoso “Outubro Rosa”, o SENAR-PR promoveu, entre os dias 26 e 28 de outubro, a primeira turma do projeto “Donas da Avicultura”. Realizado de forma piloto, o curso reuniu dez produtoras integradas do Grupo Vibra, agroindústria que atua em todas as etapas da cadeia produtiva da avicultura. As participantes vieram das regiões próximas às unidades da empresa em Itapejara d’Oeste e Pato Branco. “No começo, quando estávamos viajando na van, elas estavam tímidas, por que ainda não se conheciam, mas rapidinho já estavam todas conversando. Esse tipo de clima cria intimidade, logo elas já estavam compartilhando experiências profissionais e pessoais”, comenta a extensionista da área de frango de corte do Vibra, Aline Beatriz Chiochetta.

A escolha das participantes foi feita pelos técnicos do Vibra que acompanham de perto as granjas integradas com um único critério, segundo a extensionista: “Pessoas que sei que vão aproveitar essa oportunidade e que vão fazer diferença.”

Leia a matéria completa, clique aqui

Título da Postagem: As donas da avicultura

imprensa@faep.com.br