Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 17/11/2014 - 13h16
Postado em Sem categoria

17/11/2014 13h16 - Postado em Sem categoria

China retira oficialmente embargo à carne bovina brasileira

Com o acordo bilateral, a expectativa do governo brasileiro é vender de US$ 800 milhões a US$ 1,2 bilhão de carne para China só em 2015

A presidente Dilma Rousseff e o presidente chinês, Xi Jinping, assinaram protocolo para liberação de venda de carne bovina para o mercado chinês, embargada desde 2012 devido suspeita, não confirmada, de registro de mal da vaca louca, ocorrido no Paraná.

Conforme a assessoria do Plantalto, o encontro ocorreu neste domingo, pela manhã (horário de Brisbane, na Austrália) durante intervalo da reunião de Cúpula do G20.

Em julho deste ano, em visita a Brasília, o presidente chinês havia anunciado formalmente o fim das restrições de seu país para importar carne bovina do Brasil. Até sábado, no entanto, oficialmente o embargo ainda persistia por conta de aspectos burocráticos.

Com o acordo bilateral, a expectativa do governo brasileiro é vender de US$ 800 milhões a US$ 1,2 bilhão de carne para China só em 2015. Também foram tratados avanços das relações entre os dois países no setor aéreo, como a venda de aeronaves da Embraer para a China.

A China suspendeu as importações de carne bovina brasileira no fim de 2012 por conta de um caso atípico da doença da “vaca louca” no Paraná. Naquele ano, o Brasil exportou US$ 37,7 milhões do produto à China, contra US$ 2,5 milhões em 2009, ano em que o mercado chinês se abriu para a carne bovina brasileira.

A China é considerada o principal parceiro comercial do Brasil. Só em 2013, o comércio entre os dois países superou os US$ 83 bilhões.

Fonte: Valor Econômico – 17/11/2014

Título da Postagem: China retira oficialmente embargo à carne bovina brasileira

imprensa@faep.com.br