Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 16/04/2013 - 12h00
Postado em Notícias

16/04/2013 12h00 - Postado em Notícias

Certificação online

O processo de vacinação contra a febre aftosa será inovador no Paraná este ano. Pela primeira vez, pecuaristas e fornecedores dos medicamentos poderão realizar o procedimento de comprovação da vacinação pela internet, diretamente no site da Agência de Defesa Agropecuária (Adapar), ligada a Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento (Seab). A campanha será lançada […]

O processo de vacinação contra a febre aftosa será inovador no Paraná este ano. Pela primeira vez, pecuaristas e fornecedores dos medicamentos poderão realizar o procedimento de comprovação da vacinação pela internet, diretamente no site da Agência de Defesa Agropecuária (Adapar), ligada a Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento (Seab).

A campanha será lançada no próximo dia 30, em Marechal Cândido Rondon, no Oeste do estado. O objetivo do governo é imunizar todo o rebanho de bovinos e bubalinos, com idade de até 24 meses a partir de maio.

De acordo com o governo do estado, o novo sistema atende um pedido antigo do setor. Por meio do processo, o produtor poderá registrar, pela internet, que vacinou seu rebanho. Para validar o processo basta que o revendedor da vacina também faça a comprovação da venda do produto ao criador. Caso a opção não seja o meio virtual, o pecuarista poderá utilizar os moldes tradicionais, diretamente nas unidades locais de sanidade agropecuária do estado.

Ainda segundo a administração estadual,o sistema é totalmente seguro, pois possui vários códigos fontes que garantem o lançamento correto por parte do produtor e do revendedor da vacina.

4,4 milhões é o número de bovinos e bubalinos que devem ser imunizados na primeira fase da campanha de vacinação da aftosa no Paraná, voltada para animais até 24 meses.

Gazeta do Povo Online – Curitiba/PR

imprensa@faep.com.br