Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 31/03/2016 - 14h59
Postado em Destaques, Informes

31/03/2016 14h59 - Postado em Destaques, Informes

Área de soja é menor e milho maior nos EUA

Confira a análise da economista Tânia Moreira Alberti, do DTE, sobre o relatório divulgado hoje pelo USDA

Por

Tânia Moreira Alberti – economista do Departamento Técnico Econômico (DTE) da FAEP

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou hoje (31) dois importantes relatórios que são esperados pelos mercados de grãos. Um deles traz a posição dos estoques trimestrais americanos em 1º de março e o outro as projeções para área de plantio da safra americana em 2016/17.

SOJA TEM ÁREA 0,6% MENOR

Para o plantio da soja o USDA estima que a área seja 0,6% menor que na safra passada, com projeção de plantio de 82,2 milhões de acres. Em 2015/16 a área foi de 82,7 milhões de acres, resultando na produção recorde de 106,95 milhões de toneladas, com produtividade de 54 sacas por hectare.

Para os estoques finais trimestrais, o USDA apontou 41,66 milhões de toneladas, o que é 15% maior em relação ao mesmo período do ano passado.

A expectativa média do mercado antes da divulgação dos dados era de que a área de soja fosse apontada a maior, em relação aos dados de fevereiro, entre 87,35 a 98,17 milhões de acres. Em relação aos estoques a expectativa já apontava para números entre 41,5 a 46,27 toneladas.

A reação do mercado após a divulgação dos dados foi positiva com ganho de 0,33% no contrato de maio/16 cotado a US$ 9,11 por bushel, na segunda maior alta do mês.

O plantio da soja nos Estados Unidos tem início a partir de abril. Até a sua conclusão a decisão sobre a área estará condicionada às variáveis como: a relação de preços entre o milho e soja, às perspectivas para o dólar, e fundamentalmente ao clima na expectativa do La Niña suceder o El Niño.

A cotação média da soja saiu de US$ 8,73 por bushel médio de fevereiro para os US$ 8,93 por bushel médio em março, chegando à máxima de US$ 9,15 por bushel no início desta semana.

MILHO TEM ÁREA 6% MAIOR, CHICAGO DESPENCA

A área de milho foi apontada com crescimento de 6% em relação à safra anterior. A projeção é de 93,6 milhões de acres, acima da safra anterior, acima das estimativas de fevereiro e acima das expectativas médias de mercado que indicavam o número entre 89,5 a 91,01 milhões de acres.

Para os estoques trimestrais o USDA indicou crescimento foi de 1% em relação a março do ano passado, totalizando 198,37 milhões de toneladas.

Na safra passada a área de milho era de 88,0 milhões de acres, totalizando a produção de 345,49 milhões de toneladas, com produtividade média de 176 sacas por hectare.

A reação imediata foi de queda acentuada, com perda de 3,52% no contrato de maio cotado a US$ 3,53 por bushel.

Título da Postagem: Área de soja é menor e milho maior nos EUA

imprensa@faep.com.br