Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 12/12/2018 - 08h17
Postado em Clima, Destaques, Notícias

12/12/2018 08h17 - Postado em Clima, Destaques, Notícias

Após ondas de frio incomuns, calor chegou para ficar

Meteorologia indica que as temperaturas no Brasil devem subir a partir desta semana

As ondas de frio, como as vistas no centro-sul do Brasil no último fim de semana, passaram. A previsão meteorológica indica que a temperatura, que estava abaixo da média histórica para o início de dezembro nessa região, vai aumentar nos próximos dias. Em Mato Grosso do Sul, São Paulo e na região Sul, os dias já estão bastante ensolarados e tendem a seguir assim durante a semana.

Segundo a meteorologista Graziella Gonçalves, da Climatempo, a temperatura nessas áreas deve ficar cerca de 2ºC acima da média histórica do período. “Apesar de não parecer, é uma diferença bem grande, principalmente se considerarmos que nas últimas semanas as temperaturas estavam bem baixas no centro sul, em torno de 1ºC a 3ºC abaixo da média histórica”.

No Matopiba (confluência entre os estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), explica Graziella, a previsão também é de bastante calor, mas as temperaturas devem se manter na média esperada para essa época do ano.

Chuva

Grande parte das áreas produtoras das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, e também o Matopiba, vinham recebendo volumes bem altos de chuva nas últimas semanas. A tendência para os próximos dias é uma diminuição considerável, explica Graziella. Com mais aberturas de sol, os trabalhos de campo devem ser favorecidos. A chuva, entretanto, não deve cessar completamente. Haverá, ainda, precipitações esparsas nessas regiões.

Em Mato Grosso do Sul, por exemplo, a chance de voltar a chover é maior na quarta-feira (12/12). Isso porque ventos quentes e úmidos, vindo do Norte do país, voltam a soprar sobre o estado. Esse aumento da umidade vai facilitar a formação de grandes nuvens e trazer de volta as pancadas de chuva para algumas áreas do estado, como, por exemplo, a capital Campo Grande.

O calor na região não abranda, entretanto. Na segunda-feira (10/12), o estado já registrou, perto da fronteira com o Uruguai, 37,7°C de temperatura máxima – maior temperatura medida pelo INMET no Brasil neste dia. Com o ar mais úmido nos próximos dias, a tendência é que a sensação de abafamento aumente. A maioria das áreas do Mato Grosso do Sul vai registrar temperaturas acima dos 35°C nos próximos dias.

Matéria completa em: Revista Globo Rural.

Título da Postagem: Após ondas de frio incomuns, calor chegou para ficar

imprensa@faep.com.br