Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 05/04/2013 - 12h00
Postado em Notícias

05/04/2013 12h00 - Postado em Notícias

Além dos limites do PR

A Operação Safra, estratégia de comunicação adotada pela Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) para evitar a formação de filas de caminhões ao longo da BR-277, está no interior de São Paulo. Os informativos do programa estão sendo distribuídos nas praças de pedágio nos municípios de Caiuá e Presidente Bernardes, na Rodovia Raposo […]

A Operação Safra, estratégia de comunicação adotada pela Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) para evitar a formação de filas de caminhões ao longo da BR-277, está no interior de São Paulo.

Os informativos do programa estão sendo distribuídos nas praças de pedágio nos municípios de Caiuá e Presidente Bernardes, na Rodovia Raposo Tavares (SP-270). Os pontos foram escolhidos por serem passagem dos caminhoneiros vindos do Mato Grosso, segundo estado de origem dos grãos descarregados no terminal paranaense.

Lançada em fevereiro, a operação começou pelas principais estradas de acesso ao Porto de Paranaguá. Posteriormente, as praças de pedágios do interior do Paraná foram foco de divulgação.

Os informativos, que também são entregues para exportadores e operadores portuários, trazem o mapa de Paranaguá com destaque, em diferentes cores, para as 14 rotas para descarga de granéis. Além disso, o material reforça as regras de recebimento de cargas e a necessidade de agendar a entrega pelo sistema Carga Online. De acordo com o setor de estatísticas da Appa, dos mais de 65 mil caminhões que descarregaram grãos em Paranaguá até o dia 20 de março, 14.911 eram provenientes do Mato Grosso e 2.558 caminhões vieram de São Paulo.

42,7 mil caminhões que descarregaram no Porto de Paranaguá até o dia 20 de março são do próprio Paraná. Juntos, transportaram quase 1,47 milhão de toneladas de grãos, sendo 699 mil toneladas de soja.

Gazeta do Povo Online

imprensa@faep.com.br