Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 15/03/2018 - 15h39
Postado em Avicultura, Destaques, Pecuária de Corte, Pecuária de Leite, Suinocultura

A verdade sobre o bem-estar animal

Confira a segunda matéria da série que visa desmistificar aquelas histórias falaciosas que ninguém sabe de onde vieram

Se você é daqueles que pensam que os animais não são bem tratados no campo, está na hora de rever seus conceitos quanto a esse mito. Criar aves, suínos, bovinos, caprinos, equinos, peixes e outros animais é um negócio no qual os produtores dedicam as suas vidas e tiram seus sustentos. Portanto, animais com a saúde em dia, ambientes confortáveis, nutrição adequada e uma série de outros aspectos que envolvem as boas práticas são prioridades. Afinal de contas, produtividade e qualidade estão diretamente ligadas a isso.

“Para entender bem o assunto, primeiro é preciso saber que as necessidades dos animais são diferentes das dos seres humanos”, pondera Roberta Mara Züge, superintendente técnica administrativa da Associação Brasileira de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa (ABCBRH). “Nos meios urbanos há um distanciamento da realidade das propriedades rurais e muita gente tem a imagem de que tratar bem os animais é tratar eles como crianças, quando na verdade é dar condições para que eles expressem seu comportamento animal”, completa.

A médica veterinária e integrante da Comissão Nacional de Bem-estar Animal do Conselho Federal de Medicina Veterinária (Cobea/CFMV), Liziè Buss, reforça que esse é um dos principais pontos para se entender o que está em jogo nesse mito. “É importante que a gente sempre lembre que bem-estar é com relação ao animal e não com base no nosso achismo”, explica. “Outro aspecto
relevante é que nós não fornecemos bem-estar aos animais, mas adotamos práticas alimentares de cuidados com ambiente, de manejo, de prevenção de doenças que favorecem e/ou permitam que o animal consiga conquistar o seu grau de bem-estar”, detalha.

Marta Freitas, médica veterinária da Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar), comenta que, com base no dia a dia da instituição, é possível ver um cuidado cada vez maior com relação ao tema em todos os elos da cadeia produtiva. “Nós temos diversas ações em cima de bem-estar. Fiscalizamos e fazemos tudo o que está ao nosso alcance para proteger a pecuária. O assunto está mais em pauta do que antigamente e a própria sociedade tem mostrado maior conhecimento e exigência”, comenta.

Leia mais sobre bem-estar animal aqui.

Título da Postagem: A verdade sobre o bem-estar animal

imprensa@faep.com.br
Agência de Internet PontoCom