Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 10/07/2018 - 09h10
Postado em Destaques, Grãos, Notícias, Soja

10/07/2018 09h10 - Postado em Destaques, Grãos, Notícias, Soja

Soja volta a cair de preço nos EUA

Conflito EUA-China “não trouxe notícias que não tinham sido precificadas”, aponta consultoria

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou na segunda-feira (09.07) perdas de 21,75 pontos no contrato de Agosto/18, fechando em US$ 8,5575 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com desvalorizações entre 21,75 e 22,50 pontos.

O mercado norte-americano da soja abriu a semana com fortes quedas nos principais contratos futuros, abortando uma reação iniciada na semana anterior. De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, o conflito EUA-China “não trouxe notícias que não tinham sido precificadas anteriormente, e o mercado se debruça sobre o clima, que continua muito favorável à produção da soja americana, fazendo prever aumento nos estoques finais com a retração da demanda”.

A Consultoria AgResource ressalta que a tendência de baixa da CBOT foi reafirmada hoje na desistência especulativa de segurar qualquer alta do Mercado: “A alta de sexta-feira (06.07) foi revertida num movimento de realização de lucros – vendas de contratos comprados recentemente – e nas crescentes expectativas de estoques maiores da soja mundial, uma vez que as exportações estadunidenses serão prejudicadas pelo vigente embate comercial EUA-China”.

“Qualquer tentativa de alta nas cotações só será sustentada com a presença de uma tentativa de renegociações políticas entre os países envolvidos em tal guerra. Os fundos de investimento assumiram a direção do ‘re-empilhamento’ de suas posições líquidas no lado da venda, desde o início de todo este abalo no comercio mundial. Agora, os contratos de grão de soja na Bolsa de Chicago já possuem quase 54 mil contratos vendidos, aumentando 10mil semanais”, concluem os analistas da ARC.

Fonte: Agrolink.
Título da Postagem: Soja volta a cair de preço nos EUA

imprensa@faep.com.br
Agência de Internet PontoCom