Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 20/06/2018 - 08h59
Postado em Destaques, Notícias

20/06/2018 08h59 - Postado em Destaques, Notícias

Cotação do trigo acumula alta de 7% no mês

Demanda firme, recuo dos produtores rurais e baixo estoque ajudaram a incrementar o valor do cereal

Enquanto os preços externos do trigo estão em queda, pressionados pelo avanço do plantio nos Estados Unidos e na Argentina, as cotações internas atingem novos recordes nominais, impulsionadas pela demanda firme e pelo recuo de produtores. No Rio Grande do Sul, por exemplo, o valor da tonelada do produto atingiu R$ 950,98. No mês, a alta é de 7,76%

Além disso, o estoque do cereal está baixo no Brasil, contexto que, inclusive, deve elevar as importações de trigo, principalmente se o consumo no ano safra 2018/2019 se mantiver próximo de 11,3 milhões de toneladas.

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), o consumo em alta e a baixa disponibilidade do cereal no Brasil já têm preocupado compradores do trigo nacional. Alguns já tentam antecipar as aquisições da nova safra, que deve chegar em setembro, tentando fixar preços.

Do lado do vendedor, há preocupações relacionadas à safra que ainda está sendo semeada e que pode ser impactada pelo clima. Com isso, poucos são os que negociam antecipadamente.

Fonte: Canal Rural.

Título da Postagem: Cotação do trigo acumula alta de 7% no mês

imprensa@faep.com.br