Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 24/04/2018 - 10h15
Postado em Agronegócios, Destaques, Tecnologia

24/04/2018 10h15 - Postado em Agronegócios, Destaques, Tecnologia

Agro entra na era transdisciplinar

Para a presidente da Embrapa Informática, Silvia Massruhá, agropecuária evoluiu para a terceira onda de inovação, que exige mudanças na estrutura do campo

Nas últimas décadas, o agronegócio se tornou o grande protagonista da economia brasileira. Essa história é marcada por períodos-chave, detalhados pela presidente da Embrapa Informática, Silvia Massruhá, em entrevista ao Boletim Informativo. Da revolução verde, nos anos 1960, até os dias atuais, muita coisa mudou. Mas uma coisa continua fazendo a diferença: o empenho dos produtores rurais em busca de qualificação para superar novos desafios.

Confira a visão da especialista sobre o que está em jogo na agricultura moderna e como se preparar para aproveitar a nova onda de inovações, que tem mudado as estruturas do trabalho no campo.

BI: Quais foram os momentos-chave para o desenvolvimento do agronegócio brasileiro?

SM – Nós tivemos três grandes ondas da agricultura moderna. Entre 1960 e 1990 a revolução verde, dos sistemas de monoculturas, a parte dos fertilizantes. A partir disso fomos para o plantio direto, que permitiu o primeiro impulso da agricultura, passando o Brasil de importador de alimentos para o grande produtor e exportador de grãos, frutas e carnes. A segunda onda, que estamos passando agora, chamada de sistemas integrados, inclui, por exemplo, a Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF). Ou seja, trabalhamos não só com a monocultura isolada, mas com vários sistemas integrados, de forma multidisciplinar, no sentido de ganhar mais resiliência do solo, conseguir produzir de maneira mais sustentável. Uma terceira onda, já encontrada no campo, é uma agricultura que começou a ser praticada, mais baseada em insumos biológicos. Cada vez mais essa onda envolve sistemas complexos, que nós chamamos de transdisciplinares, com a convergência de várias tecnologias, como nanotecnologia, biotecnologia, tecnologia da informação, computação cognitiva, inteligência artificial e tudo isso.

Leia a matéria completa aqui.

Título da Postagem: Agro entra na era transdisciplinar

imprensa@faep.com.br
Agência de Internet PontoCom