Cursos destinados a produtores e trabalhadores rurais e suas famílias, além de profissionais envolvidos com o meio rural.

  Cultivo de pinus

O que você irá aprender

Quer saber mais sobre o cultivo de pinus, árvore mais plantada no Paraná? Nesse curso, você receberá uma cartilha desenvolvida em parceria com a Embrapa Florestas e orientações dos instrutores do SENAR-PR que abrangem desde a escolha da espécie até a indicação dos tratos silviculturais necessários. O curso aborda a fase do planejamento florestal, com definição da área a ser plantada, vias de acessos, limpeza, preparo do solo e espaçamento de plantio. Visando a garantir boa produtividade da floresta, o curso não se aprofunda na produção de mudas propriamente dita, mas enfatiza a importância em se adquirir mudas de qualidade e boa procedência genética. Durante o curso você poderá tirar dúvidas sobre a legislação ambiental, saber mais sobre as espécies de pinus indicadas para sua região, técnicas de plantio/replantio, adubação, pragas e doenças da cultura, incluindo o programa estadual de controle da vespa-da-madeira.

Público Alvo

Trabalhadores rurais

Produtores rurais

Conteúdo Programático

- Histórico e aspectos socioeconômicos do cultivo do pinus no Brasil;
- A importância da escolha correta da espécie – principais espécies de pinus plantadas no Paraná;
- Mudas de pinus – qualidade e cuidados gerais na produção;
- Implantação de florestas de pinus – planejamento, vias de acesso, dimensionamento de talhões, limpeza da área, preparo do solo, espaçamento, quantidade de mudas necessárias, abertura de covas, cuidados durante o plantio, replantio e tratos culturais;
- Adubação do pinus - nutrição mineral e função dos nutrientes, importância da análise de solo, recomendação de adubação, tipos de adubação;
- Tratos silviculturais – podas, desrramas e desbastes;
- Aspectos legais no plantio de florestas de pinus – Código Florestal / Licenciamento Ambiental / Reserva Legal / Área de Preservação Permanente / Principais decretos e portarias do Instituto Ambiental do Paraná;
- Pragas do pinus – formigas cortadeiras, vespa-da-madeira, pulgões, medidas preventivas e de controle;
- Doenças do pinus – tombamento, podridão de raízes, armilariose, queima de ponteiros, fumagina, ausência de micorrizas, medidas preventivas e de controle;
- Aspectos econômicos e indicadores de rentabilidade do cultivo de pinus.

Carga Horária: 16 horas.

Vagas: 8 a 15 vagas.

Pré-requisitos

Maior de 18 anos

Escolaridade: Ser alfabetizado

Materiais necessários

Bloco de anotações; roupa adequada para as práticas.

Não encontrou o curso?

Receba um aviso por celular ou e-mail quando abrirmos novas inscrições  

Não achou o curso que deseja? Consulte o sindicato rural mais próximo

Mais informações sobre cursos em ?

-

-

-

-

Sindicato

-

-

Você também pode se interessar

Você também pode se interessar