Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 24/01/2014 - 10h34
Postado em Agronegócios, Grãos, Infraestrutura, Logística, Milho, Soja

24/01/2014 10h34 - Postado em Agronegócios, Grãos, Infraestrutura, Logística, Milho, Soja

Porto espera nova safra sem fila de caminhões

A Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) se prepara para escoar a safra de grãos, a partir do mês que vem, sem filas de caminhões na BR 277

2956A Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) se prepara para escoar a safra de grãos, a partir do mês que vem, sem filas de caminhões na BR 277. A Operação Safra, que, entre outras medidas, prevê o agendamento on-line de descarga, permitiu que a exportação da soja em 2012 e 2013 fosse realizada sem os tradicionais congestionamentos na rodovia, na descida da Serra do Mar.

Luiz Henrique Dividino, superintendente da Appa, explica que o Carga On-line existe desde 2000. Mas, que as filas continuaram existindo até 2011 devido à falta de outras ações integradas, como as blitze em rodovias com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a campanha de esclarecimento dos embarcadores (donos de carga) sobre o programa.

“Conversamos com todos os clientes dos terminais do porto para conscientizá-los sobre a necessidade de utilizarem corretamente o sistema, porque agindo assim todo mundo ganha”, conta. Segundo Dividino, foi necessário enfrentar alguns conflitos de interesse. “Para muita gente, fila é bom”, afirma. Questionado sobre quem seriam essas pessoas, ele dá a entender que se refere ao setor de transporte. “Quando a fila aumenta no porto, o frete fica maior no interior”, declara.

O superintendente tem certeza de que o congestionamento de caminhões não voltará a ocorrer e diz que todos os preparativos para a nova Operação Safra já foram concluídos ou estão em fase de conclusão. Nada de importante mudou. “Apenas algumas recomendações novas que estamos fazendo aos motoristas para cuidarem melhor da carga e consequentemente não sujarem tanto a cidade de Paranaguá”, afirma.

Também foi feito um novo folder atualizando os caminhoneiros sobre os pontos de descarga dentro do porto, entre outras orientações necessárias. “Ao longo dos principais trechos rodoviários que levam ao porto, vamos publicar outdoors convidando os motoristas a nos ajudarem a minimizar o impacto ambiental e também a ficarem atentos à chamada para descarga”, declara.

Para o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Carga do Paraná (Setcepar), Gilberto Cantu, o agendamento da descarga no Porto de Paranaguá está funcionando. “Nossa avaliação é positiva. Apesar da estimativa de crescimento da nova safra, acho que não teremos filas de novo este ano”, afirma.

O assessor Técnico e Econômico Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep), Nilson Hanke Camargo, diz que a Operação Safra foi uma medida acertada do governo e os embarcadores estão respeitando o sistema por receio de serem multados. “Os caminhões estão descendo no tempo certo da descarga”, afirma. Segundo ele, por outro lado, a soja está ficando mais tempo na roça.

Por isso, a federação vem fazendo um trabalho de incentivo aos produtores para que invistam em armazéns em suas propriedades. Ele ressalta que a soja pode ficar mais um ano armazenada e que há linha de crédito do Banco do Brasil para a construção dos armazéns. “Entendemos que numa propriedade com 80 ou mais hectares, o armazém já é viável economicamente”, destaca.

 

img_3016

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Folha web – 24/01/2014

Título da Postagem: Porto espera nova safra sem fila de caminhões

imprensa@faep.com.br