Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 14/04/2014 - 11h16
Postado em Agronegócios, Grãos

14/04/2014 11h16 - Postado em Agronegócios, Grãos

O risco que ameaçou a produção

Ministério Públicou tentou proibir o 2,4D – herbicida utilizado em mais de 70 países. Perdas na soja chegariam a 97% e 40% no milho

Gafanhoto-Uniport-300028-br-jogando-veneno-herbicida-em-plantacao-14-02-06Equilíbrio da balança comercial do país, termômetro da inflação controlada, e base da mesa farta de alimentos, o setor agrícola brasileiro esteve sob risco nas últimas semanas. A grande ameaça foi a possibilidade da retirada imediata do mercado de um dos herbicidas mais utilizados no Brasil o 2,4D, que consta na fórmula de pelo menos 46 agroquímicos comercializados no país. 

Em março passado, a União foi acionada judicialmente pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o registro de nove ingredientes ativos utilizados em defensivos agrícolas, entre eles o 2,4D. O juiz federal Jamil Rosa, da 14ª Vara Federal, porém, indeferiu o pedido lembrando que o 2,4D possui registro em mais de 70 países, entre eles Estados Unidos, Alemanha, Canadá, Austrália, Argentina, China, África do Sul, Espanha, Japão e Vietnã. E já foi alvo de mais de 40 mil estudos em diversas instituições de pesquisa dos vários continentes.

O juiz considerou: “que toda a população brasileira que depende da agricultura seria prejudicada e que não seria adequada a proibição abrupta do produto no mercado sem base em estudos conclusivos e sem a realização de amplo debate”.

Leia a matéria completa no Boletim Informativo desta semana clicando aqui

Título da Postagem: O risco que ameaçou a produção

imprensa@faep.com.br