Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 28/10/2013 - 12h00
Postado em Agrinho

28/10/2013 12h00 - Postado em Agrinho

Conheça os vencedores na categoria Experiência Pedagógica

 Conheça os vencedores na categoria Experiência Pedagógica  Um carro zero Km foi o premio dos primeiros colocados 1º. Lugar Rede Pública Arapoti Prevenção de acidentes domésticos com crianças A experiência com um aluno queimado foi o que motivou aprofessora de artes, Eli Tolentino, da Escola Municipal Dona Zizi, localizadaem Arapoti, a criar o programa de […]

 Conheça os vencedores na categoria Experiência Pedagógica

 Um carro zero Km foi o premio dos primeiros colocados

1º. Lugar Rede Pública

Arapoti

Prevenção de acidentes domésticos com crianças

A experiência com um aluno queimado foi o que motivou aprofessora de artes, Eli Tolentino, da Escola Municipal Dona Zizi, localizadaem Arapoti, a criar o programa de prevenção de acidentes domésticos comcrianças. A iniciativa envolveu alunos do Pré-II ao 5º ano, com atividades deconscientização sobre perigos com os quais convivemos diariamente dentro decasa e que na maior parte do tempo passam despercebidos, como afogamentos,queimaduras, choques elétricos, quedas, envenenamentos, etc.

Com uma linguagem simples, voltada a cada faixa etária, oprograma recriou em sala de aula – através de desenhos, esculturas de massinhae maquetes – situações corriqueiras, como uma panela no fogão, uma tomada, umbalde com água, etc., para alertar e explicar como se prevenir de acidentesdentro de casa. O resultado foi melhor do que o esperado, os alunos tornaram-semultiplicadores dos conhecimentos abordados, levando para as famílias em casaesse conhecimento.

2º. Lugar – Rede Pública

Pinhão

Meu mestre, meu amigo

Com a proposta de saber atuar para melhorar o mundo, aprofessora Evani de Camargo, da Escola Municipal Eroni Santos Ferreira, dacidade de Pinhão, desenvolveu o projeto de valorização do docente junto a 23alunos do 5º ano, intitulado “Meu mestre, meu amigo”.

Para desenvolver o sentimento de identificação esolidariedade com os mestres, a primeira ação foi a confecção de um jalequinhopara os alunos, semelhante ao usado pelos professores. As atividades doprojeto, planejadas de forma conjunta, incluíram entrevistas com 100professores de diversas escolas do município, onde levantaram as principaisdificuldades enfrentadas por eles, que possibilitou um diagnóstico conjunto daprofissão. Dentre outras ações, foi realizada uma palestra com umfisioterapeuta para instruir os docentes sobre como trabalhar sem se machucar.Cuidar da saúde física e emocional do professor torna a sala de aula um localmais agradável.

3º. Lugar – Rede Pública

Joaquim Távora

Crianças e idosos descobrindo a arte do bem viver

Com objetivo de sensibilizar as crianças da 3º ano da EscolaMunicipal São José, do município de Joaquim Távora a importância da boaconvivência com idosos, a professora Michele de Souza desenvolveu um projetopara aproximar estas duas gerações. As crianças passaram a fazer visitassemanais ao lar de idosos São Vicente de Paula, em um momento que ficouconhecido como “tarde da alegria” para conversar e interagir.

Foi feita uma campanha de arrecadação de latinhas paraajudar financeiramente o asilo, o que impediu que ele fosse fechado. Outrasdinâmicas de convivência foram desenvolvidas, como a participação dos idosos dafesta junina da escola. Com ações como esta, os alunos passaram também arespeitar os idosos que tinham em casa. Vovós e vovôs agradecem!

4º. Lugar Rede Pública

Ribeirão Claro

Zona Urbana X Zona Rural – Elos inseparáveis

O projeto da professora Sandra Beltramo, da Escola MunicipalCorreia de Freitas, em Ribeirão Claro, trata da interdependência entre o campoe a cidade, usando como exemplo a produção de café, que foi o granderesponsável pelo desenvolvimento econômico do município.

Os alunos foram a campo conhecer a produção de café, desde ocultivo, até o processamento, orientados por uma engenheira agrônoma. Tambémforam abordados conteúdos históricos e econômicos, com direito a uma visita aomercado, onde o café chega à ponta final do consumo. Com isso, percorreu-setoda trajetória econômica e histórica do café no município. Uma viagem queterminou com uma tarde de cinema com direito a pipoca e, é claro, café.

ESCOLA PARTICULAR

 1º. Lugar

Santa Cruz

Amigos para sempre

O projeto pedagógico da professora Iara Colavite, realizadojunto aos alunos do 4º anos do Colégio Vicentino, na cidade de Santa Cruz,tratou da pratica de bullyng. Frente à exclusão de uma aluna com problemasneurológicos pelos colegas, a docente decidiu trabalhar o respeito àsdiferenças e a importância da inclusão.

Foram diversas ações para promover o entrosamento dos alunosexcluídos e a importância do respeito com o próximo. Com dinâmicas quealternavam as companhias na hora do lanche e atividades em grupo, revezando asequipes com objetivo de quebrar as “panelinhas”, o projeto permitiu aos alunosformarem novas amizades e fortalecer os laços de afeto.

Título da Postagem: Conheça os vencedores na categoria Experiência Pedagógica

imprensa@faep.com.br