Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 28/08/2017 - 10h23
Postado em Destaques, Senar - PR

28/08/2017 10h23 - Postado em Destaques, Senar - PR

Capacitação em solo e água

SENAR-PR prepara profissionais para o desafio de cuidar dos bens mais preciosos da agropecuária

Fiscal na Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar), Losani Perotti integrou a primeira turma que concluiu o curso Manejo de Solo e Água em Propriedades Rurais e Microbacias Hidrográficas, do SENAR-PR, em Paranacity, no Noroeste do Estado. Durante o curso, que faz parte da capacitação do Programa Integrado de Conservação de Solo e Água do Paraná (Prosolo), a profissional destaca que pôde resgatar e atualizar conteúdos que tinha visto durante a graduação. “Uma coisa bem prática, por exemplo, foi um exercício que, com uma pá reta, pegamos uma ‘fatia do solo’ e então trabalhamos ela com as mãos. O modo como os torrões se desmontaram, nós colocamos em uma tabela visual e esse solo teve uma nota, que mostra se está bem estruturado, se está compactado”, explica. “Hoje, se tiver que fazer uma avaliação mais específica, tenho condição de fazer com bastante tranquilidade”, completa.

Há nove anos, o engenheiro agrônomo da Usina Santa Terezinha, de Terra Rica (região Noroeste), Félix Luis Corbari é responsável pela área de preparo de solos da empresa. Ele foi companheiro de turma de Losani e concorda sobre o intenso aprendizado oferecido pela capacitação do SENAR-PR. “O curso trouxe soluções que precisamos adotar aqui. Já apresentei o trabalho aos gerentes da propriedade e eles entenderam que são medidas necessárias. Nós tínhamos terraços que, fazendo algumas contas, vimos que estavam muito longe um do outro e mais baixos do que o necessário”, conta.

Corbari afirma que com o curso se sentiu seguro para propor as alterações no seu local de trabalho para que se chegue à melhor tática para a conservação do solo. “O conteúdo que aprendi ajudou a provar tanto na lei quanto nas contas práticas, o que precisa mudar de fato. Vimos até como resolver o escorrimento de água por cima de carreadores [estradas internas], porque a cana precisa que o caminhão transite bastante por cima da lavoura”, pontua.

Leia a matéria completa aqui.

Título da Postagem: Capacitação em solo e água

imprensa@faep.com.br