Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 07/10/2010 - 12h00
Postado em Notícias

07/10/2010 12h00 - Postado em Notícias

Safra de grãos 2010/2011 no Brasil deve ter queda

Safra de grãos 2010/2011 no Brasil deve ter queda

Principal motivo é a possível redução nas colheitas de milho e soja

A safra de grãos 2010/2011 deve ficar entre 145,72 e 147,93 milhões de toneladas, com uma redução que vai de 887,60 mil a 3,10 milhões de toneladas sobre o ciclo passado, que chegou ao recorde de 148,82 milhões de toneladas. Os números são do primeiro levantamento realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e divulgado nesta quinta-feira (07/10).

Já a área destinada ao plantio deve variar entre 47,32 e 47,99 milhões de hectares, praticamente estável em relação à safra anterior, que contou com 47,37 milhões de hectares.

Os principais responsáveis pela variação negativa na produção desta safra são a soja e o milho total (1ª e 2ª safras). A previsão é de que os sojicultores colham de 67,60 a 68,9 milhões de toneladas, variação de -1,5% a +0,3%, respectivamente, em relação ao ciclo anterior. A área destinada à leguminosa deve variar de 23,76 a 24,20 milhões de hectares, pequena alta frente aos 23,46 milhões de hectares da safra passada.

O milho total deve reduzir de 6,5% a 7,5% sobre as 56 milhões de toneladas da última colheita. A área também pode ser diminuída entre 1,3% e 2,1%.

O algodão em caroço é o grande destaque, em função dos preços bons praticados no mercado. Com isso, a produção do grão deve aumentar até quase 40%, para 2,57 milhões de toneladas. Já a área plantada pode crescer cerca de 30%, alcançando 1,07 milhão de hectares.

A produção do feijão total também tende a crescer entre 4% e 5%, para 3,42 milhões de toneladas, assim como a de arroz, que deve aumentar entre 7% e 9%, para até 12,2 milhões de toneladas.

Fonte: Canal Rural

imprensa@faep.com.br
Agência de Internet PontoCom