Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 27/03/2012 - 12h00
Postado em Notícias

27/03/2012 12h00 - Postado em Notícias

Oil World estima alta de 4,7% para a soja nas próximas semanas

Os futuros da soja para julho podem subir mais 4,7% caso a seca na América do Sul continue causando mais prejuízos. A estimativa é da consultoria alemã Oil World. Nas próximas semanas, o contrato maio poderia chegar aos US$ 14,50 por bushel. Essa alta estimada pela consultoria contabiliza as perdas registradas principalmente no Brasil, tido […]

Os futuros da soja para julho podem subir mais 4,7% caso a seca na América do Sul continue causando mais prejuízos. A estimativa é da consultoria alemã Oil World. Nas próximas semanas, o contrato maio poderia chegar aos US$ 14,50 por bushel.

Essa alta estimada pela consultoria contabiliza as perdas registradas principalmente no Brasil, tido como o próximo grande fornecedor mundial da oleaginosa, e na Argentina. Além disso, as compras por parte da China vem aumentando e isso também estimula o mercado.

"Os últimos relatórios apontando baixas produtividades estão, de fato, alarmando. Os consumidores estão ficando nervosos. A China já aumentou suas compras e ainda deverá comprar mais, já que o país tem o objetivo de continuar ampliando suas importações de soja como forma de satisfazer sua demanda e garantir seus estoques", disse a Oil World em seu relatório.

Na última projeção da Oil World, a empresa estima que a produção mundial de soja caia 22,7 milhões de toneladas, ou 8,5%, para 242,9 milhões de toneladas na safra 2011/12. No Hemisfério Sul, o declínio deverá ser de 16,1 milhões de toneladas, ou 12%, e a colheita pode chegar a 121,5 milhões de toneladas.

Fonte: Notícias Agrícolas

imprensa@faep.com.br