Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 14/06/2011 - 12h00
Postado em Notícias

14/06/2011 12h00 - Postado em Notícias

Mercado de Commodities: bolsa de Chicago operou em baixa

Economista da FAEP avalia operações desta segunda-feira

Confira a análise da economista do Departamento Técnico Econômico da FAEP Gilda Bozza.

Nesta segunda-feira (13), na Bolsa de Chicago, o mercado de commodities agrícolas operou em baixa.  As variáveis que influenciaram os preços foram a queda nos preços do petróleo e as condições climáticas favoráveis no Meio-Oeste americano. Vale lembrar que o mercado está no período do “mercado do clima”. Com isso, qualquer variação nas condições climáticas influencia os preços.

No mercado da soja, os contratos para julho/11 foram negociados a US$ 30,48 por saca, correspondente ao dólar vigente a R$ 48,41 por saca. Em igual data do ano passado, o preço era da US$ 20,97/saca.   Já os contratos para setembro/11 fecharam o pregão a US$ 30,31 por saca, equivalente a R$ 48,14 por saca. 

No caso do milho, o recuo em relação à sexta-feira (10) foi de US$ 0,11 por saca, encerrando o pregão a US$ 18,48/saca, correspondente a R$ 29,35/saca.  Os contratos para setembro fecharam a US$ 17,75/saca (R$ 28,19/saca).

O mercado do trigo mantém a tendência de queda, com os contratos de julho cotados a US$ 16,37/saca, recuo de US$ 0,37/saca sobre a sexta-feira (US$ 16,74/saca).

No mercado paranaense os preços da soja e milho apontaram reação.  Para a soja, a  média apurada pela SEAB foi de R$ 41,39/saca, ganho de R$ 0,21/saca em relação ao fechamento da sexta-feira (R$ 41,18/saca).   Quanto ao milho, a média estadual foi  de R$ 24,22/saca, elevação de R$ 0,02/saca.

imprensa@faep.com.br