Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 30/05/2011 - 12h00
Postado em Notícias

30/05/2011 12h00 - Postado em Notícias

Grupo de produtores rurais visita Alemanha

Depois da Holanda, Alemanha e Itália são os destinos para os líderes regionais que participam da viagem técnica promovida pelo Sistema FAEP

Os presidentes de sindicatos rurais do Paraná e técnicos da área, que percorrem o continente europeu desde o dia 21 de maio, já cumpriram a primeira parte do roteiro da Viagem Técnica Europa 2011, realizada pelo Sistema FAEP. Durante toda a semana, a comitiva paranaense visitou propriedades rurais, centros de pesquisa e instituições ligadas à área rural nos arredores da França, Bélgica e Holanda.

Nesta segunda-feira (30) começou a programação na Alemanha. Os produtores saíram da Holanda no domingo pela manhã, com destino a Colônia, a quarta maior cidade do país em número de habitantes, cerca de um milhão de pessoas. A primeira visita foi no Centro de Pesquisa da Bayer, a Bayer CropScience, a 30 quilômetros de Colônia.

A programação incluiu visita a um produtor de fruta e hortaliças, que resolveu investir em turismo rural em uma de suas propriedades.  O local tem área de lazer para crianças e uma espécie de buffet infantil de festas, cujo tema é a agricultura.

O grupo permanece na Alemanha até terça-feira pela manhã, quando realizam visita ao Centro de Pesquisa da Basf. À tarde eles embarcam para Bolonha, na Itália. O retorno para o Brasil será no domingo.

Para acabar com as usinas nucleares, biogás é alternativa

No dia em que o governo alemão anunciou o fechamento de seu 17 reatores nucleares até 2022, os presidentes de sindicatos do Paraná que estão no país pelo Sistema FAEP, foram até uma propriedade de gado leiteiro, onde 50% da renda vem do biogás.

Há um ano e meio o proprietário alemão vem agregando renda com o biogás proveniente dos dejetos das vacas e cavalos, e resíduos provenientes da área urbana da cidade, como óleo de cozinha. Com a instalação de dois biodigestores, ele produz energia, vendida ao governo por nove centavos de euro por quilowatt hora, e substrato para lavoura, comercializado entre os produtores da região. Só com a energia, o produtor recebe cerca de 18 mil euros por mês.

Notícias em tempo real

Acompanhe no twitter: www.twitter.com/sistemafaep ou siga @sistemafaep

Veja as fotos no Flickr: http://www.flickr.com/photos/sistemafaep/sets/72157626802515696/

 

imprensa@faep.com.br