Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 16/02/2011 - 12h00
Postado em Notícias

16/02/2011 12h00 - Postado em Notícias

FAEP consegue renegociação de dívidas com o Banco do Brasil

O presidente da FAEP, Ágide Meneguette  se reuniu  quarta-feira (16/02) com o diretor de Reestruturação de Ativos do Banco do Brasil, Adilson do Nascimento Anísio. Um dos temas do encontro foi uma nova renegociação de dívidas das operações de crédito rural. Na avaliação da FAEP essa é uma oportunidade única de recálculo, com condições acessíveis, […]

O presidente da FAEP, Ágide Meneguette  se reuniu  quarta-feira (16/02) com o diretor de Reestruturação de Ativos do Banco do Brasil, Adilson do Nascimento Anísio. Um dos temas do encontro foi uma nova renegociação de dívidas das operações de crédito rural. Na avaliação da FAEP essa é uma oportunidade única de recálculo, com condições acessíveis, para praticamente todos os produtores com dívidas atrasadas.

Poderão ser beneficiados no Paraná 12 mil produtores rurais e 200 mil em todo Brasil. Além da exclusão dos encargos de inadimplência, o Banco do Brasil está oferecendo, entre outras, as seguintes condições de renegociação de dívidas:

I – Público-alvo: produtores inadimplentes com dívida de crédito rural vencida até 30 de junho de 2010. A renegociação não se aplica aos produtores que estão adimplentes. Dívidas de cartão de crédito, cheque especial e outras linhas não entram nessa renegociação, mas o produtor tem acesso à outra linha de composição dessas dívidas com o banco.

II – Prazo de pagamento: 10 anos, desde que o produtor pague 40% da dívida até o quinto ano.

III – Encargos: O encargo será de Índice de Reajuste da Poupança (IRP) mais 0,5% ao mês (juros de poupança).

IV – Entrada: será de 10% do valor total da dívida, mas o percentual poderá ser flexibilizado em casos específicos e com o pagamento a ser efetuado na safra.

V – Término da campanha: os produtores devem formalizar o pedido de renegociação junto ao banco impreterivelmente até o dia 29 de abril deste ano.
Essas condições atendem uma antiga reivindicação da FAEP, de um programa de recuperação de produtores rurais através do refinanciamento das dívidas com taxas e prazos compatíveis com a capacidade de pagamento.

O produtor que aderir ao programa poderá futuramente operar novamente com o banco. Produtores que já deixaram a atividade também podem participar da renegociação. Produtores com ação ajuizada pelo Banco do Brasil também podem aderir ao programa e negociar as custas judiciais com o banco. Na maioria das operações atrasadas, o banco ainda não ajuizou ação, mas já avisou que após 29 de abril terá que ajuizar todos os casos de clientes que não renegociarem suas dívidas.

Clique aqui para ouvir mais informações sobre a renegociação de dívidas com o BB

Fonte: Assessoria de Comunicação Sistema FAEP

imprensa@faep.com.br
Agência de Internet PontoCom