Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 16/09/2011 - 12h00
Postado em Notícias

16/09/2011 12h00 - Postado em Notícias

Estado firma parceria para instalar Ceasa em Ponta Grossa

O município de Ponta Grossa vai ganhar uma Central de Distribuição e Comercialização para viabilizar a distribuição de produtos hortifrutigranjeiros na região dos Campos Gerais. Um termo de cooperação para a instalação da unidade foi assinado nesta quinta-feira (15) pelo secretário de Estado da Agricultura, Norberto Ortigara, pelo prefeito de Ponta Grossa, Pedro Wosgrau Filho, […]

O município de Ponta Grossa vai ganhar uma Central de Distribuição e Comercialização para viabilizar a distribuição de produtos hortifrutigranjeiros na região dos Campos Gerais. Um termo de cooperação para a instalação da unidade foi assinado nesta quinta-feira (15) pelo secretário de Estado da Agricultura, Norberto Ortigara, pelo prefeito de Ponta Grossa, Pedro Wosgrau Filho, e pelo presidente da Ceasa-PR, Luiz Damaso Gusi, durante a abertura oficial da 34ª Exposição Feira Agropecuária Industrial e Comercial de Ponta Grossa (Efapi 2011).

Pelo acordo, a Secretaria do Estado da Agricultura e Abastecimento e a Ceasa vão organizar o sistema de compra e venda de produtos e a prefeitura vai ceder o terreno, a infra-estrutura necessária ao empreendimento e os recursos humanos para o funcionamento da central.

De acordo com Ortigara, a parceria atende a um pedido antigo da região. O secretário disse que a unidade vai atender tanto os produtores, que ganham um canal de comercialização para seus produtos com o aval do governo do Estado, quanto os consumidores da região, que poderão comprar alimentos saudáveis e seguros.

O presidente da Ceasa-PR, Luiz Damaso Gusi, explicou que a Central de Distribuição e Comercialização de Ponta Grossa vai reunir atividades de compra e venda de produtos hortifrutigranjeiros, flores, mudas e insumos agrícolas. Para isso, vai contar também com o apoio da Emater na organização dos produtores.

Conforme o termo de cooperação técnica, a Seab vai coordenar as atividades de integração entre os participantes, mobilizar os agentes de comercialização e oferecer as informações necessárias para a elaboração do projeto técnico e operacional.

A Ceasa-PR, por sua vez, vai realizar estudos de viabilidade técnica e econômica, promover o intercâmbio entre os mercados atacadistas em funcionamento no Paraná, coordenar cursos de capacitação, além de coordenar e monitorar pesquisas de preços dos produtos comercializados na área do atacado.

Fonte: Agência Estadual de Notícias

imprensa@faep.com.br
Agência de Internet PontoCom