Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 06/10/2010 - 12h00
Postado em Notícias

06/10/2010 12h00 - Postado em Notícias

Carne de frango: produção europeia cresce menos de 1% em 2011

Produção de carne de frango na Europa deve registrar expansão abaixo de 1%

Estudos efetuados pela equipe europeia do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) sugerem que após aumentar perto de 2% neste ano, a produção de carne de frango dos 27 países da União Europeia deve registrar expansão mais moderada em 2011, provavelmente abaixo de 1%. O aumento de preço dos grãos é apontado como uma das causas desse pequeno crescimento.

Índice quase semelhante de expansão (+1%) é projetado para os cinco países (na verdade, sete) integrantes do grupo de maiores produtores e responsáveis por 60% da produção de carne de frango da UE.

Por sinal, entre eles, apenas dois devem registrar incremento de produção mais expressivo – França, com acréscimo de 2,1%; e Polônia, com 5,7%. Assim, Espanha (-1,4%) e países do Benelux (-0,2%) tendem a apresentar queda de produção, enquanto o Reino Unido deve manter a mesma produção de 2010.

Nos 20 países remanescentes da União Europeia (40% da carne de frango produzida no bloco) a expansão prevista é de apenas 0,8%.

Fonte: Portal do AgronegócioCarne de frango: produção europeia cresce menos de 1% em 2011

Produção de carne de frango dos 27 países da União Europeia deve registrar em 2011 expansão abaixo de 1%

Estudos efetuados pela equipe europeia do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) sugerem que após aumentar perto de 2% neste ano, a produção de carne de frango dos 27 países da União Europeia deve registrar expansão mais moderada em 2011, provavelmente abaixo de 1%. O aumento de preço dos grãos é apontado como uma das causas desse pequeno crescimento.

Índice quase semelhante de expansão (+1%) é projetado para os cinco países (na verdade, sete) integrantes do grupo de maiores produtores e responsáveis por 60% da produção de carne de frango da UE.

Por sinal, entre eles, apenas dois devem registrar incremento de produção mais expressivo – França, com acréscimo de 2,1%; e Polônia, com 5,7%. Assim, Espanha (-1,4%) e países do Benelux (-0,2%) tendem a apresentar queda de produção, enquanto o Reino Unido deve manter a mesma produção de 2010.

Nos 20 países remanescentes da União Europeia (40% da carne de frango produzida no bloco) a expansão prevista é de apenas 0,8%.

Fonte: Portal do Agronegócio

imprensa@faep.com.br