Logotipo Sistema FAEP

Data da Publicação: 11/10/2016 - 09h26
Postado em Agronegócios, Destaques

11/10/2016 09h26 - Postado em Agronegócios, Destaques

Agronegócio paranaense responde por 78% das exportações do Paraná

No acumulado entre janeiro e setembro de 2016 a receita de exportações do Estado foi de US$ 11,84 bilhões

Por Tânia Moreira Alberti – Economista DTE | Sistema FAEP

No acumulado entre janeiro e setembro de 2016 a receita de exportações do Estado do Paraná foi de US$ 11,84 bilhões, crescendo 2,2% em relação ao mesmo período de 2015. O valor importado somou US$ 8,21 bilhões, reduzindo 17% em relação a 2015. O valor exportado pelo o agronegócio representou 78% do valor exportado pelo o Estado, somando US$ 9,23 bilhões, crescendo 1,2% em relação a 2015.

COMPLEXO SOJA
O complexo soja foi o principal grupo no valor exportado pelo agronegócio, somou US$ 3,99 bilhões, com redução de 2,3% em relação ao acumulado de janeiro a setembro de 2015. O volume exportado foi de 10,6 milhões de toneladas, 4,0% maior que no ano passado. Com participação de 63% no valor exportado, a China foi o principal destino das exportações do grupo.

O valor exportado de soja em grãos no ano foi de US$ 2,75 bilhões, com crescimento de 1,2% sobre igual período de 2015. O volume exportado foi de 7,49 milhões de toneladas, 6,5% maior que em 2015. No ano de 2015 foram exportadas 7,78 milhões de toneladas de soja em grãos.

O principal destino das exportações de soja foi a China com 6,72 milhões de toneladas, crescendo 5% em relação a 2015. Outros destinos que representaram 10% do volume exportado pelo Estado foram: Tailândia, Taiwan, Paquistão e Espanha. O Paraná teve o terceiro maior volume embarcado, atrás do Mato Grosso e Rio Grande do Sul.

Na comparação mês a mês o volume exportado de soja em grãos reduziu 19%. Com o perfil das exportações mensais, mais elevadas que em 2015 até maio, com a taxa de câmbio entre R$ 3,53 a R$ 4,00.Na comparação da série histórica, o volume exportado de soja em grãos pelo o Estado, durante janeiro a setembro foi recorde desde 1997.

As exportações de farelo de soja somaram 2,64 milhões de toneladas, estável em relação a 2015. O valor exportado foi de US$ 914,7 milhões, caindo 8% em relação ao ano passado. Os principais destinos foram: Coreia do Sul, Alemanha, França, Tailândia. O Paraná teve o segundo maior volume exportado no ranking nacional, antes do Mato Grosso.

COMPLEXO CARNES
O valor exportado por este grupo somou US$ 2,0 bilhões crescendo 1,7% sobre 2015. O volume embarcado no acumulado do ano totalizou 1,34 milhão de toneladas, crescendo 10,5%. Os principais destinos de exportação, quanto ao volume exportado, foram: Arábia Saudita (17%), China (13%), Hong Kong (9%), África do Sul (8%).

A carne de frango foi o maior produto de volume e valor embarcado dentro do grupo. Entre janeiro e setembro somou US$ 1,78 bilhões, com redução de 2,1% em relação a 2015. O volume exportado, no entanto, cresceu 8,2% totalizando 1,2 milhão de toneladas. O Paraná foi o principal estado exportador da carne de frango, representando 21% de todo valor exportado pelo Brasil para a carne de frango.

Os principais destinos das exportações foram: Arábia Saudita (21%), China (19%), Japão (8%) e Emirados Árabes (8%).Na comparação mês a mês o volume embarcado cresceu 5,5% totalizando 132 mil toneladas.

O segundo produto de maior valor exportado foi a carne suína com US$ 140 milhões, 29,6% maior que em 2015. O volume embarcado cresceu 54,4% totalizando 69,7 mil toneladas.

1
PRODUTOS FLORESTAIS
As exportações deste grupo somaram US$ 1,33 bilhão, crescendo 15,7%, com a quantidade de 2,08 milhões de toneladas, com crescimento de 47,4%.

O volume exportado de madeira somou 1,23 milhão de toneladas crescendo 22% em relação ao mesmo período de 2015. O valor exportado foi de US$ 714 milhões, com redução de 3% em relação ao ano passado. Os principais destinos das exportações foram: Estados Unidos, México e Reino Unido. O Paraná foi o principal estado exportador, representando 35% do valor exportado pelo Brasil.

COMPLEXO SUCROALCOOLEIRO
As exportações paranaenses de açúcar somaram 2,03 milhões de toneladas, crescendo 10% em relação a 2015. O valor exportado foi de US$ 673 milhões, com crescimento de 7,0% em relação ao ano passado. Os principais destinos das exportações, quanto ao valor exportado, foram: Canadá, Bangladesh, Malásia, Rússia e Argélia.

MILHO
O volume embarcado de milho no acumulado do ano foi de 1,68 milhão de toneladas, 5,6% menor que no mesmo período de 2015. O valor exportado foi de US$ 276,4 milhões, 10% menor que em 2015. Os principais destinos em relação ao volume embarcado foram: Vietnã (23%), Japão (19%), Irã (10%) e Coréia do Sul (9%).

Título da Postagem: Agronegócio paranaense responde por 78% das exportações do Paraná

imprensa@faep.com.br